segunda-feira, 23 de agosto de 2010

ELE DE NOVO!!!!

Nunca gostei do tal Dado Dolabella. Sempre o vi como um sujeito arrogante e falso. Na agressão à Luana Piovani, por não gostar dela também, achei que era um pouco de estrelismo da parte dela, que queria ser notícia e por isso foi tão longe no processo contra o ex-noivo.

Durante a participação deste cidadão no reality show A Fazenda, torci muito pra que ele não fosse o vencedor. Achava totalmente injusto ele levar o prêmio. Se fazia de santo, mas era o pior ser humano que existia naquele confinamento.

Lembro que ele sempre foi defendido pela família e amigos. A mãe sempre se diz indignada com as notícias sobre o filho. O irmão também o defende, acusando a mídia de inventar notícias falsas. Até a Carolina Dieckmann disse que o conhecia desde a infância e que ele era um exemplo de amigo.

Pois bem, nenhuma das campanhas a favor do “bom mocismo” dele funcionou. Neste final de semana a ex-mulher o denunciou por agressões e pediu a separação de corpos.

Muitas vezes os indícios são gigantes, mas colocam-se vendas nos olhos para não enxergar a realidade. Obviamente que a família e também os amigos devem sempre estar dispostos a ajudar uma pessoa com problemas. Mas é inadmissível quando estes mesmos familiares e amigos defendem as barbaridades cometidas por um ser tão desprezível.

Pronto. Falei!

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

NOVELA!!!!



Cena de Passione ontem:

Estavam Totó (Tony Ramos), Gemma (Araci Balabanian) e Alfredo (Miguel Roncato) no avião rumo ao Brasil. Totó e Alfredo estavam dormindo e Gemma acordada. Ela cutuca Totó e oferece um sanduíche de salame. Inicia-se uma discussão, os demais passageiros pedem silêncio. Aí Totó se ajeitando pra voltar a dormir, Gemma o cutuca de novo e pergunta se ele já tinha feito xixi...

A cena mais divertida que eu vi nessa novela. Os atores deram show. Ri muito.

Agora fico imaginando se isso acontecesse de verdade. Se fosse comigo acho que morreria de vergonha em ter um parente tão sem noção.

Já aconteceu comigo de estar voltando de ônibus de uma visita familiar e a passageira sentada ao meu lado abre uma sacola e tira um baita de um sanduíche de salame também, que empestiou o ônibus inteiro. Só que a coitada era do interior e pobrinha... então não tinha como condenar, rs

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

QUE DÓ!!!!

'Bebê tem nariz e a boca dela', diz o assessor de Galisteu
Fonte Globo.com

Coitada dessa criança, herdou as duas piores características... se é que há alguma característica positiva nessa criatura...

CRIANÇAS!!!!

No aniversário de uma amiga, onde só mulheres foram convidadas, lá pela metade da festa, a filha de uma amiga, com 4 anos, começou a apontar as pessoas e contar, em inglês, o número de presentes... one, two, three, four, five, six...



Eu, que adoro crianças, achei o máximo ela contando corretamente em inglês, falei muito entusiasmada:


- Nossa Lo, vc é tão esperta que já sabe até a contar em inglês.


No que ela me responde:



- É super fácil tia, aprendi antes mesmo de ir pra escola.


Me senti a maior ignorante perante aquele serzinho tão esperto, rs

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

NOVO UNO!!!!


O que falar sobre o novo uno? Aterrorizante!!!!


Obviamente que se criaram esse caro é porque foi aprovado por uma parcela de consumidores, pois não se muda algo sem uma séria pesquisa.


Mas o fato é que eu, particularmente, achei o novo uno horrível. Uma cópia do Kia Soul, que também é medonho (aos meus olhos, que fique bem claro).


E o uno ainda conta com a desvantagem de cores “cheguei”... é amarelo fosforescente, azul calcinha, bege sem graça, laranja berrante... enfim, gosto realmente não se discute...


Eu fico com os comuns, numa cor neutra que é pra chamar o mínimo de atenção possível...

Pronto, falei!

quarta-feira, 28 de julho de 2010

BOA DESCULPA!!!!



"Banho no inverno resseca a pele e aumenta chances de gripe". Fonte: Site Terra

Imagino a quantidade de pessoas que usarão essa notícia pra cabular o banho diário...


sexta-feira, 23 de julho de 2010

MINHA ESSÊNCIA!!!



Gosto de chuva pra dormir, mas preciso do sol para viver.

Gosto do frio num domingo sem hora para sair da cama, mas preciso do calor pra aquecer meu dia. O sol me traz alegria, esperança, motivação.

Gosto de dias ociosos, sem nada para fazer ou me preocupar, mas preciso da segurança de ter um emprego garantido, mesmo que toda segunda-feira eu me arraste até a empresa.

Gosto de morar sozinha, de estar só em alguns momentos, mas preciso da minha família e amigos sempre por perto.

Gosto de ouvir meus sobrinhos dizendo que sentem saudade, que me amam. Me emociono toda vez que me perguntam quando eu irei visitá-los novamente.

Gosto de ver meus irmãos progredindo, conquistando uma promoção no emprego ou construindo suas casas. Gosto de ver minha filha batalhando, fazendo faculdade e trabalhando.

Gosto de ver minha mãe alegre, contando as novidades, aceitando todos os convites para viajar, seja a passeio ou a trabalho. Gosto de ver sua vitalidade em continuar trabalhando, se sentindo útil por poder ainda contribuir com sua experiência.

Gosto da certeza de ter amigos verdadeiros. Tenho de todos os tipos: divertidos, tímidos, falantes, safados, alegres. Tem os que reclamam, os que batalham, os que sofrem, os desencanados, os festeiros. Tenho amigos sempre por perto, tem os que estão longe mas estão sempre presentes, tem os que moram perto mas o corre-corre nos deixa distantes,  nem assim a amizade tem intensidade e importância menores. Tenho amigos pra todas as horas. Tenho amigos reais, virtuais e virtuais-reais.

Gosto de baladas, de barzinhos, de reuniões com amigos, mas preciso de dias de total solidão pra assistir meus filmes ou programas de TV preferidos.

Gosto de ter uma companhia masculina, que me faça rir e me abrace quando eu precisar, mas preciso da minha individualidade, de momentos de solidão, do banheiro desocupado ao acordar. Gosto de estar em minha própria companhia.

Gosto de fazer compras, o grande problema é que a cada peça adquirida, sempre “preciso” comprar outra peça que combine com ela.

Gosto de morar no centro de uma capital, onde tudo está a alguns metros, como shopping, farmácia, mercado, padaria e até balada.

Gosto de cozinhar, de inventar, de reproduzir receitas já testadas. Nem sempre dão certo, mas não sossego até não fazer.

Gosto de flores e de pássaros.

Gosto do cheiro de limpeza depois de um sábado inspirado de faxina.

Gosto de roupas com cheiro de amaciante, de lixo vazio, de armário organizado, de pia sem louça, de cama arrumada.

Gosto de chocolate, de pão francês quentinho ou do pão caseiro que minha mãe faz. Gosto de bolo recheado, de pudim, de massas, de pão de queijo, de comida mexicana, chinesa, árabe, mas também de uma feijoada e de um bom churrasco. Gosto de Mc Donald´s, gosto de pizza, de pastel. Gosto de festa de criança, de festa de casamento, aliás, gosto de festa.

Gosto de fotografias. São lembranças que marcam um momento e não custam caro, quer dizer, hoje em dia não custam nada, já que tudo é digital. E se não ficar boa, apaga na hora e tira outra, e outra e mais outra.

Gosto de tecnologia, de modernidade, de conforto.

Gosto de praia, mas também gosto de montanhas e de cidades pequenas do interior.

Gosto de planejar a troca do carro, a compra do meu futuro apartamento ou uma viagem bacana.

Gosto de tudo que é colorido, gosto do arco-íris.

Gosto de lojas de 1,99, de lojas de departamentos, de lojas com acessórios para a casa. Gosto de roupas de marcas específicas, de lojas que me atraem pelo cheiro agradável, de atendentes educadas.

Gosto da vida. Vivo dias de felicidade plena, mesmo estando longe da família, mesmo tendo que descascar alguns abacaxis por dia nos meus trabalhos, mesmo que por vezes eu queira sumir, ainda assim tenho motivos de sobra pra ser feliz. E que essa felicidade seja permanente.

Essa é a minha essência...

quarta-feira, 7 de julho de 2010

VIDAS ARRUINADAS!!!


Será que quem comete um crime avalia todas as possíveis consequências de seus atos?

Me refiro ao caso do goleiro Bruno do Flamengo. O cara tinha um futuro promissor que foi destruído por causa de uma ex-amante. Obviamente não deve ter valido a pena. Se ele tivesse simplesmente assumido o filho, poderia até ser notícia, mas logo seria esquecido. Mas, pelas notícias, preferiu matar ou mandar matar e agora o cara é foragido da polícia, prestes a ser enjaulado e seu futuro vai acabar junto com sua liberdade.

Claro que talvez ele nem preso fique, mas sua vida vai se tornar um inferno. Acho difícil, depois de todo esse escândalo, algum time aceitá-lo novamente.

Mas e a culpa é só dele? Tenho certeza que não. A ex-amante deve ter infernizado sua vida. Deve ter feito ameaças pesadas. Pelas notícias na mídia, ela sempre esteve em busca de um golpe da barriga. Corria atrás de famosos, tentou ficar grávida de outros jogadores, enfim, buscou e conseguiu: a fama. Pena que agora ela não possa desfrutar da mesma.

Ambos são culpados. Ele por ceder à tentação de uma garota jovem e bonita. Ela por querer apenas ganhar a vida sem precisar trabalhar.

Buscaram e conseguiram. Tiveram suas vidas arruinadas por total inconsequência.

Fica a dica pras marias chuteiras, marias celebridades e todas as demais marias que existem por aí. Trabalhem! É a forma mais gratificante e digna de conseguir ser alguém na vida e isso será graças a apenas seus próprios méritos.

segunda-feira, 5 de julho de 2010

COPA DO MUNDO!!!!

Bom, todo mundo cansou de afirmar que o Dunga errou ao escalar a seleção da Copa do Mundo de 2010. Pode até ser que tenha errado mesmo, afinal não havia brilho nos jogos feitos pela nossa seleção, mas ele como técnico fez da seleção brasileira campeã da Copa América, da Copa das Confederações além de ter obtido o melhor resultado nas eliminatórias pra Copa do Mundo de 2010.

Comparo o Dunga a um diretor executivo ou presidente de uma grande empresa que, ao assumir seu cargo, toma todas as decisões baseadas na experiência que vivenciou até chegar àquele cargo. Com o técnico Dunga não foi diferente. Ele usou sua experiência e tomou suas decisões, talvez equivocadas, mas qual presidente escuta seus funcionários? Qual diretor executivo deixa na mão de seus subordinados ou fornecedores o controle da empresa? Se assim fosse, não seria necessário o cargo de presidente e/ou diretor executivo muito menos o de técnico da seleção.

A culpa não foi apenas do técnico, mas de toda seleção brasileira. Os jogos não tinham brilho, não tinham emoção. Parecia ser apenas mais um jogo.

Quem daqueles que lá estavam iria preferir a derrota à vitória? Qual deles optaria ser hostilizado pela torcida brasileira à ganhar uma gorda bufunfa? Óbvio que nenhum. Talvez o que motivo da derrota foi falta de entrosamento ou até excesso de confiança.

O Brasil não ganhou a Copa do Mundo de 2010? Felizmente, porque não mereciam. Assim como a Argentina também não mereceu. Boa sorte aos que lutaram bravamente e lá estão para disputar as semifinais. Estes sim fizeram jogos brilhantes.

Não sou fã de futebol, aliás, nem assistir aos jogos da copa eu consegui. Mas crucificar apenas uma pessoa pela derrota é patético.

Vamos ver quem será o herói que aceitará ocupar o cargo de técnico da seleção para a Copa de 2014. Esse sim entrará numa fria caso o Brasil não seja campeão.

A parte boa disso tudo é que as malditas cornetas pararam de soar. Que maravilha!

quarta-feira, 30 de junho de 2010

FALTA DE INSPIRAÇÃO!!!!


Estou totalmente sem inspiração pra escrever algo que valha a pena ler... tentei escrever um texto ontem e ficou péssimo...

Preciso de motivação... URGENTE!

quarta-feira, 16 de junho de 2010

FUTEBOL!!!

Acho uma besteira tão grande essa “briga” por um poder inexistente que há entre o Pelé e o Maradona.


Mesmo não gostando de futebol, sei que os dois foram bons jogadores em suas épocas, porém, querer ser coroado como rei por jogar bem futebol é o fim do mundo. Se jogaram bem nada mais era que a obrigação deles e ambos foram muitíssimo bem pagos por isso.


Bill Gates é exemplo de empresário, foi criador da Microsoft, sendo que esta revolucionou a tecnologia, mas nem por isso foi intitulado como rei, e aposto que nem ele quis isso, já que ele fez sua parte, proporcionou uma grande mudança no mundo todo, ganhou sua fortuna e quer mais é ser lembrado apenas como alguém que fez diferença e não por um adjetivo.


Quanto aos dois jogadores acima citados, tenho a dizer que, pra mim, ambos são desprezíveis. O Pelé por ter comprovado não ter caráter quando se recusou a assumir a paternidade de um filho. O Maradona pela vida regada a drogas, bebidas e sabe-se lá o que mais. Como jogadores concordo que foram essenciais, mas como seres humanos, miseráveis. Acho ridículo os dois ficarem se alfinetando publicamente, e mais, que a mídia dê espaço pra tamanha baixaria.

Ídolos se criam diariamente, mas deixam de existir com a mesma rapidez. Exemplos é o que não faltam.

Pronto, falei!

sexta-feira, 11 de junho de 2010

A MORTE!!!


Ontem aconteceu um acidente trágico no centro de Curitiba, um ônibus de transporte público perdeu o controle, atropelou algumas pessoas, se chocou com um carro e só parou quando encontrou uma parede de concreto em sua frente. Duas pessoas morreram e mais de 30 ficaram feridas. Fiquei pensando nos dois senhores que tiveram a vida interrompida, na dor que seus familiares devem estar sentindo com o fim brusco de sua vida e lembrei do texto de autoria do Pedro Bial que retrata exatamente o que penso da morte:



Assisti a algumas imagens do velório do Bussunda, quando os colegas do Casseta & Planeta deram seus depoimentos, parecia que a qualquer instante iria estourar uma piada,estava tudo sério demais, faltava a esculhambação, a zombaria, a desestruturação da cena,
mas nada acontecia ali de risível, era só dor e a perplexidade, que é mesmo o que causa em todos os que ficam.
A verdade é que não havia nada a acrescentar no roteiro:
a morte por si só, é uma piada pronta.
A morte é ridículo.
Você combinou de jantar com a namorada, está em pleno tratamento dentário.
Tem planos para semana que vem, precisa autenticar um documento em cartório...
Colocar gasolina no carro e no meio da tarde...
MORRE.
Como assim?
E os e-mails que você ainda não abriu?
O livro que ficou pela metade?
O telefonema que você prometeu dar a tardinha para um cliente?
Não sei de onde tiraram esta idéia:
MORRER...
A troco de que?
Você passou mais de 10 anos da sua vida dentro de um colégio estudando fórmulas químicas que não serviram para nada, mas se manteve lá, fez as provas, foi em frente.
Praticou muita educação física, quase perdeu o fôlego. Mas não desistiu.
Passou madrugadas sem dormir para estudar pro vestibular mesmo sem ter certeza do que gostaria de fazer da vida, cheio de duvidas quanto à profissão escolhida...
Mas era hora de decidir, então decidiu, e mais uma vez foi em frente...
De uma hora pra outro, tudo isso termina...
Numa colisão na freeway...
Numa artéria entupida...
Num disparo feito por um delinqüente que gostou do seu tênis...
Qual é?
Morrer é um chiste.
Obriga você a sair no melhor da festa sem se despedir de ninguém, sem ter dançado com a garota mais linda, sem ter tido tempo de ouvir outra vez sua música preferida.
Você deixou em casa suas camisas penduradas nos cabides, sua toalha úmida no varal, e penduradas também algumas contas...
Os outros vão ser obrigados a arrumar suas tralhas, a mexer nas suas gavetas...
A apagar as pistas que você deixou durante uma vida inteira.
Logo você que dizia: das minhas coisas cuido eu.
Que pegadinha macabra: você sai sem tomar café e talvez não almoce, caminha por uma rua e talvez não chegue na próxima esquina, começa a falar e talvez não conclua o que pretende dizer.
Não faz exames médicos, fuma dois maços por dia, bebe de tudo, curte costelas gordas e mulheres magras e morre num sábado de manha.
Se faz check-up regulares e não tem vícios, morre do mesmo jeito...
Isso é para ser levado a sério?
Tendo mais de cem anos de idade, vá lá, o sono eterno pode ser bem vindo...
Já não há muito mesmo a fazer, o corpo não acompanha a mente, e a mente também já rateia, sem falar que há quase nada guardado nas gavetas.
ok, hora de descansar em paz.
Mas antes de viver tudo?
Morrer cedo é uma transgressão, desfaz a ordem natural das coisas.
Morrer é um exagero.
E, como se sabe, o exagero é a matéria-prima das piadas.
Só que esta não tem graça.
Por isso viva tudo que há para viver.
Não se apegue as coisas pequenas e inúteis da vida...
Perdoe...
Sempre!!


Mesmo sendo certo que tomos seguiremos pelo mesmo caminho, ainda assim é difícil aceitar que a morte seja algo natural.
 
Poderia ser eu quem estivesse passando pelo local do acidente e talvez fosse atingida, mas não era meu momento de dizer adeus. Temos apenas que aceitar que aquele era o momento de ambos. Que sua missão já estava cumprida aqui nesse plano. Mesmo não entendendo, nada pode ser feito para reverter esse curso da vida.
 
E enquanto isso, vamos vivendo da melhor forma possível.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

O SANTO CASAMENTEIRO FALHOU!!!


É... esta quase completando um ano que achei a tal imagem do Santo Antônio dentro do bolo que é feito em sua homenagem, e meu príncipe encantando não deu as caras ainda... mas não pensem que desisti. Nesse fim de semana vou lá de novo comprar o tal bolo e tentar reforçar o time do santo, quem sabe ele não se comove, rs.

quarta-feira, 9 de junho de 2010

EU MEREÇO!!!



Ontem passei por uma situação bem delicada.
Uma grande e querida amiga me convidou pra ir num jantar dos namorados que ela fará na casa dela no sábado. Como não tinha nada programado disse que iria. Aí ela vem com um papo que o jantar ficaria caro por ser um fondue, falei que o mais sensato seria ela comprar o que irá precisar pra fazer o jantar e dividiríamos por todos os convidados. Aí ela disse que achava chato e tal, mas pediu que eu levasse 3 barras de chocolate pro fondue. Fiquei de cara com ela. Tipo assim, ela dá o jantar, convida um povo chato que eu mal conheço e EU tenho que ajudar a financiar???? Fui ver o preço do chocolate e cada barra custa R$ 15,00, ou seja, morreria com R$ 45,00 pra ficar uma noite toda ouvindo baboseiras, aquele povinho metido falando das viagens pelos Estados Unidos, Europa, arghhhhhh... sem chance.
Se fosse um jantar para um grupo de amigos conhecidos e que cada um ficasse encarregado de levar algum produto ou então se dividíssemos a conta pelos presentes, iria com o maior prazer do mundo, mas só eu entrando de babaca não dá.
Na boa, eu tenho um imã pra atrair gente que adora fazer festa com o dinheiro alheio.
Óbvio que vou dar uma desculpa e não vou ao jantar, achei muita cara de pau dela.
Até gostaria de falar pra ela que era uma puta sacanagem, mas aí eu sei que ela vai ficar chateada, magoada e acho um motivo muito pequeno pra criar um estresse. Mais pra frente, se surgir uma oportunidade, talvez eu comente sobre isso, mas não agora.
E como um amigo me convidou pra irmos numa balada chamada “noite dos desesperados”, já que o dia é dos namorados, tô achando que vou nessa... pelo menos vou investir em uma provável rede de novos contatos.
Tenho que me benzer...

segunda-feira, 17 de maio de 2010

MINHA NADA MOLE VIDA!!!!


Claro que me refiro ao lado sentimental, que foi sempre o grande enrosco na minha vida.

Pois bem, o Michael (e não Maicon 2, como eu havia dito em algum post aí embaixo, apesar da sonoridade de ambos ser idêntica) nadador lá da academia, não deu em nada. Muitíssimo devagar e no último dia que fui pra academia ele foi muito babaca, tentou me evitar, entrou na piscina pela lateral, por onde ninguém entra. Como assim??!! fiquei boiando... não fiz absolutamente nada pra ele agir feito um retardado como agiu... ele é quem estava de conversa pro meu lado. Bom, claro que foi descartado. Sem chance de rolar alguma coisa. Babaquice é o fim da rosca, ainda mais pra uma jovem senhora feito eu.

Quanto ao Jê, sobrinho do namorado da minha amiga, não o conheci ainda e acho pouco provável que isso aconteça. Conheci apenas o namorado da minha amiga e o cara é intragável. Sendo assim as chances de dar certo ficam reduzidas, não tenho estômago pra entrar numa relação tendo que aguentar estrelismo dos parentes e, quem sabe, dele próprio.

Bom, o Pedro e o Giovane eu já tinha descartado, então assunto encerrado, rs.

E o Maicon (o de número 1 - aquele que já tinha morrido e sido cremado) ressuscitou. Assim que o excluí de todos os meios de contato, veio correndo se explicar e pedir desculpas. Sei que tenho que ser mais tolerante, pois ele tá numa fase intensa de trabalho, estudando pra concursos e sendo ouvinte no mestrado da Universidade Federal, o que é bem puxado. Surtei, agi por impulso (como sempre), e no final das contas acabamos nos acertando. O grande problema dele é achar que passar as noites de sábado comigo são suficientes e que no restante da semana não necessita de contato algum. Juro, me sinto como se só servisse pra relações-afetivas-sem-fins-reprodutivos (li isso em algum blog e gostei, rs), mas preciso de carinho, de atenção... já avisei isso a ele. Ontem mandei uma mensagem bem mal educada no celular dele. Ou vai ou racha. O que não dá é ele ficar me fazendo perder tempo se não tá afim de compromisso.

Como sempre, estou no zero a zero... mas lutando bravamente pra fazer nem que seja um pontinho nesse jogo de azar chamado relacionamento.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

CLAREZA, POR FAVOR!!!!


Tenho pavor de perguntas com duplo sentido... explico:

O bonitão da academia me perguntou na terça: Onde você trabalha?

E eu, sem saber se ele se referia ao local geográfico ou se queria saber o nome da empresa, respondi: Trabalho na Kennedy (famosa avenida de Curitiba).

Fiquei incomodada. Não sabia se era essa a resposta correta.

Ontem ele parou no alambrado e já lançou a pergunta: Qual empresa que você trabalha? Na Kraft?

(ódio mortal por ter respondido errado pra ele na terça)

Falei que não e disse qual era o ramo de atividade da empresa. Ele chutou o nome. Errou. E eu tive que falar qual era o nome da empresa onde trabalho.

Acho que ele ficou satisfeito... depois deste breve diálogo ele seguiu pra piscina...

Mas o que importa onde eu trabalho se nosso único contato nosso é na academia? Tô achando que ele é meio lesado... rs

Hoje estou um pouco deprimida. Amanhã tem jantar na casa de amigos. Terão 4 casais e eu, segurando vela... chato demais.

Mas fé em Deus que minha hora ainda há de chegar.

quarta-feira, 5 de maio de 2010

EVOLUINDO!!!



Depois de um final de semana no qual existiu a troca de mensagens pelo Orkut, fui pra academia na segunda super ansiosa para ver o meu alvo nadador. Como cheguei atrasada, ele já estava na piscina e nem um oizinho trocamos. Fiz toda a série na academia e fui embora.

Ontem resolvi chegar 10 minutos antes na academia e, já na entrada encontrei com ele que foi hiper simpático. Nos cumprimentamos e cada um foi pro seu lado. Comecei minha caminhada na esteira e alguns minutos depois veio ele vestido com sua sunga (falta de ar), pára no alambrado, abre um sorrisão e diz: “Você chega tarde, né?”... Eu que não esperava que ele fosse tão cavalheiro, fiquei meio sem ação. Conversamos um pouco e ele foi pra natação. Fiquei suspirando a noite toda. Acho que descobri a minha motivação para não perder um dia sequer de academia, rs.

O achei ainda mais bonito e simpático pela atitude de vir falar comigo, mesmo estando dentre os colegas dele de natação. É como eu sempre digo: ATITUDE É TUDO!


Pena que hoje tenho aula e não o verei... mas amanhã eu vou malhar, nem que chova canivetes...

Obs.: Apenas uma constatação: olhando ele nadar 2 horas seguidas todos os dias eu acredito que deva ter um fôôôôlego... hahahahaha, ADORO!

segunda-feira, 3 de maio de 2010

PERSPECTIVAS!!!


Não há nada concreto, mas a confiança de que tudo vai melhorar me deixa bastante esperançosa.

A empresa está passando por uma grande reestruturação. Estou assumindo mais duas funções e existe uma grande probabilidade de termos um reajuste de salário em breve. Assim, devido a perda de uma grande parceria e, por conseqüência, a diminuição do meu trabalho, estas novas atividades só me motivam para buscar o crescimento profissional que tanto almejo.

No campo sentimental iniciei um contato via Orkut com o alvo da academia. Mas nada de empolgação, ele foi bem contido nas mensagens que me enviou e não sou eu quem vai tomar a iniciativa. Atleta, bonito, simpático, solteiro, 24 anos, estudante de economia, morando sozinho em Curitiba... é, nada animadora essa descrição... deve ter uma fila quilométrica de mulheres na cola dele... mas pelo menos faz bem aos meus olhos vê-lo todas as noite de sunga, passando na minha frente e dando atenção somente a mim, como se ninguém mais estivesse naquela academia... é tão bom quando se é notada...

E com este “cheiro” de coisas boas chegando, me dei alguns presentes neste final de semana... comprei roupas novas e diferentes do meu estilo. Escolhi um vestido/camisão pra ser usado com legging ou calça jeans sequinha, lindíssimo, quando eu usar vou fotografar de tão lindo que é. Comprei duas blusas soltinhas pra usar com básicas por baixo. Comprei mais algumas blusas diferentes e que ficaram bem bacanas. Comprei um casaco tipo parca verde petróleo, simplesmente maravilhoso. Comprei um relógio de pulseira vermelha bem fashion. Comprei também um edredom e jogo de cama, ambos na cor caqui... um luxo, rs. E no final das contas, o que eu realmente precisava comprar eram calças sociais, mas não encontrei nenhuma que me agradasse... agora meu foco são esses coletes cheios de pontas, acho tão elegante...

Olha, gastei uma graninha neste final de semana. Mas é tão revigorante fazer compras, meus sais... como eu AMO.

Só espero que o aumento prometido venha, E LOGO.

terça-feira, 27 de abril de 2010

TOP FIVE!!! (atualização)


Bom, depois de uma peripécia que rendeu gargalhadas e mais gargalhadas (vide post abaixo – não, ele não ligou, rs), me restou atualizar a minha lista de alvos para ter uma noção geral da minha vida afetiva no momento:

1) MAICON 1 : Mortinho e enterrado, aliás, enterrado não, cremado que é pra não mais voltar. Cheio de cena, desculpas, falta de atitude. Sim, eu disse falta de atitude. Todos os pontos positivos adquiridos por ele nas primeiras semanas foram superados pelo acúmulo de pontos negativos. E como eu tenho uma certa facilidade em me apegar, mas maior ainda em desapegar, já era... e sem chance de volta. Já está devidamente excluído não só do Orkut e celular como da minha vida. Alívio!

2) MAICON 2: Ahhhhh... esse mexe comigo. Moreno, corpão, sorriso encantador... lindo, lindo, lindo! Mas ainda não mostrou a que veio... apesar das características físicas que me enlouquecem, se não agir logo vai ser colocado no banco de reserva ou até expulso de campo. Perigo!

3) PEDRO: Descartado. Lindo, mas muito estrelinha. Fica só lançando olhares de longe, mas nada de atitude. Riscado!

4) GIOVANE: Descartado também. É super gente fina, mas não mexeu comigo. Seria apenas um estepe e como tenho outro alvo no mesmo lugar tá sendo expulso de campo. Banido!

5) JÊ (Jerônimo) – Pois é, o Jê... no sábado minha amiga me chamou pra ir na festa da irmã do Jê (a irmã quem pediu pra me convidar... já tô ficando íntima da família, rs), mas por aqui chovia muito e não me animei de sair. Minha amiga foi na festa e teve a oportunidade de falar de mim para ele. Ao que parece ele ficou interessado e disse que era uma pena eu não ter ido. Quase me arrependi de não ter ido na festa, mas sei que não era o momento. Expectativas!

Continuo no 0 x 0... mas sempre ligada em tudo e todos... uma hora dá certo. Ahhh se dá!!!!!

Obs.: se me arrependi da loucura feita ontem? Absolutamente não. Foi divertido. Mesmo ele não ligando (acho que nem eu ligaria), me sinto feliz por ter tentado. Melhor do que frustrada por não ter agido.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

A LOUCA!!!!

Acabei de fazer algo inusitado, não que tenha sido a primeira vez, mas foi diferente.
Após o almoço fui ao hipermercado que tem aqui em frente à empresa para comprar algumas coisas que estavam faltando. Estávamos, eu e minha colega, saindo do mercado e estava estacionando um Peugeot branco, tendo como passageira uma senhorinha e como motorista um lindo rapaz. Como os vidros estavam abertos, percebi que ele estava olhando em nossa direção. Ele saiu rapidamente do carro e passamos pela sua frente. Nos olhamos, mas não trocamos uma palavra sequer, afinal ele não estava sozinho e sabe-se lá se é livre e desimpedido. Andamos uns 10 metros e minha colega olha pra trás e fala: “amiga, ele está olhando”. Fui verificar e realmente ele estava olhando em nossa direção. Fiquei eufórica, tinha que tomar uma atitude, algo tinha que ser feito, e este algo teria que ser feito por mim mesma, pois eu sabia qual era o carro dele e onde ele estava naquele momento. Ele não sabia nada sobre mim, não teria como me encontrar.

Atravessamos a rua e eu disse pra minha colega que precisava fazer alguma coisa. Chegamos na empresa, escrevi um pequeno bilhete: “Te achei lindo!“ Coloquei o número do meu telefone, meu nome e expliquei rapidamente quem eu era. Minha colega pegou um rolo de durex e voltamos ao estacionamento do mercado. Colei o bilhete na maçaneta do motorista, justamente para que só ele o veja.
Me senti uma adolescente. Havia bastante tempo que eu não ficava nervosa, mas meu corpo inteiro tremia pela audácia. Estou rindo feito uma bobona, imaginando tudo que irá se passar pela cabeça dele quando vir o bilhete.

Enfim, se ele vai ligar ou não é outra história. Mas melhor me frustrar por uma ligação que talvez nunca venha do que me martirizar por não ter tomado uma atitude.

Já imaginaram eu contando pros meus netinhos que aos quase 34 anos de idade a avó deles fazia esse tipo de coisa????? Rs

Podem falar, sou ou não sou uma louca desvairada? Hahahahahahaha...

terça-feira, 20 de abril de 2010

MENOS UM!!!

Quer saber?????

Que se dane se o psicopata de Luziânia se matou ou se mataram ele. O que importa é que esse maldito está morto e nunca mais vai trazer sofrimento pra nenhuma família inocente.

Como dizem: bandido bom é bandido morto. E esse já foi tarde...

TENTANDO ENTENDER... MAS TÁ DIFÍCIL!!!


Ok, admito, sou muito ansiosa. Esta é minha personalidade e por mais que eu me esforce, não tem como mudar isso.

Pois bem, após a introdução acima, vamos aos fatos: O problema é (de novo) com o Maicon, meu ficante/esquema/rolo/affair atual. Nossa primeira noite juntos aconteceu no terceiro encontro. Não era pra ter acontecido, mas aconteceu. Foi bacana, mas nada de extraordinário. Mesmo antes desse dia ele já tinha mudando aquele jeito encantador do dia que o conheci. Parece que se distanciou, as mensagens foram rareando, as ligações não vinham.

Na semana que passou trocamos umas 2 ou 3 mensagens, a primeira, claro, fui eu quem mandou. Perguntei se o veria durante a semana ou se somente no sábado. Ficou a promessa dele de nos vermos na quinta, o que não aconteceu, mas estava tudo certo para nos vermos no sábado.

No sábado, depois de muitas mensagens trocadas pelo celular (isso já está me irritando, custa me ligar???) decidimos que ele iria lá em casa e então víamos o que iríamos fazer. Quando ele chegou eu fui buscá-lo no carro. Ele queria ir pra algum lugar. Eu não estava vestida adequadamente (blusinha e bermuda) e o convidei para subir ao apartamento para que eu trocasse de roupa. Fiz isso muito rápido, o que até gerou um comentário dele: “nossa, primeira mulher que se arruma em menos de trinta minutos”. Relevei. Mas percebi que ele não estava a vontade no apartamento. Saímos, rodamos alguns bares e decidimos por um deles. Conversamos, rimos, cantamos... muito agradável (combinamos que hoje, terça-feira, véspera de feriado, sairíamos pra dançar). A meia-noite fomos embora. Ele parou na frente de casa e o convidei para entrar. Ele recusou. Insisti mais uma vez e ele não quis mesmo entrar. OK, sei das convicções dele e por isso . Mais tarde mandei uma mensagem no celular dele dizendo que estava sentindo falta do abraço dele. Ele não respondeu. E agora eu não sei o que esperar.

Será que ele acha que, por termos combinado de sairmos hoje, não havia necessidade de manter contato nestes 3 dias????

De qualquer forma vou sair com minhas amigas, pois já estava combinado. E se ele não manter contato ainda hoje e por um acaso o encontrar na balada, acho que esfolo a cara dele.

Agora me digam, eu sou louca ou o cara tá marcando mesmo???? Sei, entendo, compreendo que ele é suuuuper atarefado, mas sequer uma mensagenzinha no celular? Ah, vai te catar... já tô perdendo a pouca paciência que tenho... não vou me contentar com migalhas, mas não mesmo.

Prometo que, caso ele ligue hoje e a gente saia e tal, que eu vou perguntar qual é a dele... sem cobrança, apenas para eu não esperar mais do que ele pode me dar...

segunda-feira, 19 de abril de 2010

TROFÉU UÓ!!!!! (2)


SANDÁLIA CROCS

Já ouvi dizer que ela é suuuuper confortável, mas que é medonha de feia, isso ninguém pode negar. Sem contar que deve dar um chulé “filadamãe”, já que é de “prástico”...

E as cores então? Sem maiores comentários, rs

Volto a qualquer momento com mais uma indicação do “TROFÉU UÓ”

Alguém aí quer acrescentar algum item????

sexta-feira, 16 de abril de 2010

TOP FIVE!!!

Vamos ao TOP FIVE de pretendentes no momento (podendo mudar a qualquer instante sem prévia comunicação):

1) MAICON 1 : o quase oficial ou pelo menos com conhecimento de causa. Primeiro no pódio. Conheci na balada e trabalha como instrutor numa academia. Protagonista de um post aí embaixo (o desconsiderem), pois me ligou no sábado com uma desculpa não muito convincente, mas que, por estar hiper carente, aceitei vê-lo. Pois bem, ele estava a pé já que uma semana antes haviam batido no carro dele e o mesmo tava no conserto. Fui buscá-lo num shopping e ficamos rodando até encontrar um lugar pra comer (comida mesmo, viu?). Acabamos no MC Donalds. Depois de alimentados acabamos no meu apartamento. Ele dormiu lá. No domingo de manhã fui levá-lo em casa. Depois disso só recebi uma mensagem no domingo a noite e outra na metade da semana. Mas cadê a ligação no dia seguinte falando o quanto foram bons os momentos que passamos juntos? Cadê as flores com aquele bilhete super meloso, ao melhor estilo romântico? Mandou mensagem na quarta avisando que sábado iremos nos ver. Ainda está sob avaliação e pode perder o primeiro lugar logo, logo, já que o vice tá evoluindo. Vamos ver se ele se mantém no primeiro lugar ou se será eliminado do campeonato, rs.

2) MAICON 2: sim, são dois alvos com o mesmo nome, bom que não há perigo de confundir os nomes. Esse é um dos gatos da academia. Na verdade ele era da natação, mas como temos visão privilegiada para a piscina, já tinha trocado alguns olhares com ele. Dia desses ao chegar na academia ele estava lá com o instrutor montando seu treino, ou seja, vai ser meu coleguinha de musculação. YES! No dia seguinte nos encontramos na porta da academia e ele foi mega simpático. Tem tudo pra chegar ao topo da lista. Basta um pouco mais de atitude.

3) PEDRO: outro gato da academia. Lindo, olhos verdes, corpão, mas totalmente sem atitude. Já cruzamos olhares por centenas de vezes, mas ele não tem nenhuma ação e eu, como uma boa falsa puritana, não tomarei nenhuma atitude, afinal, são vários alvos no mesmo lugar e não posso reduzir minhas chances sem um estudo mais aprofundado, rs. Correndo o risco de perder o terceiro lugar fácil, fácil.

4) GIOVANE: mais um alvo da academia. Esse está lá a poucos dias, mas é o mais querido e super prestativo. Está sempre arrumando um jeitinho de me ajudar nos treinos. Minha amiga que malha comigo já ouviu ele pedindo informações minhas pro instrutor. É bonito, mas está abaixo dos citados acima. Mesmo assim não há possibilidade de descartá-lo, num domingo frio e chuvoso de inverno curitibano ele pode me ser muito útil. Lutando bravamente para chegar ao terceiro lugar.

5) JÊ (Jerônimo) – favor desconsiderar o nome do coitado. Infelizmente nossas faculdades mentais não estão ativas no momento do registro. E pai e mãe não se escolhe, nem o bom senso deles, rs. Brincadeiras a parte, este eu nem conheço ainda. É sobrinho do namorado de uma amiga. Ela faz uma excelente propaganda. Fiquei curiosa. Arquiteto, bonito, rico, mora sozinho, mas claro, deve ser mulherengo. Mas não custa conhecer, né? Não dá pra descartar nenhuma possibilidade que pareça valer a pena. Está na berlinda por eu ainda não o conhecer. Mas pela característica imaginada por mim (mulherengo), tem poucas chances de subir de posição.


Ou seja, tenho vários e nenhum ao mesmo tempo, mas por favor, sem julgamentos precipitados. Apenas estou avaliando todas as possibilidades, é um direito meu, rs.


(e que os cinco acima citados jamais saibam da existência desse post, hahahaha)

ALÍVIO!

Olha, pode até parecer crueldade de minha parte, mas se tem uma coisa que me faz vibrar é quando leio notícias de que algum bandido morreu. É sério, me dá uma sensação de que é menos um maldito infeliz a perturbar o sossego de pessoas de bem. Repito: é bom demais saber que esses FDP estão mortos e enterrados. É um alívio.
Claro que enquanto um morre outros dez iniciam na vida do crime, culpa da sociedade por muitas vezes ter preconceito (de todos os tipos), do governo por não investir enquanto necessário e dos próprios por quererem vida fácil e escolherem ser vagabundos.
Porque fácil é empunhar uma arma e não medir esforços pra tirar de quem batalhou seus bens conquistados ou até mesmo a vida destes. Fácil é colocar a culpa na sociedade pela escolha do caminho errado. Fácil é invejar a grama do vizinho que é sempre a mais verde.
Jamais ei de concordar com os que defendem a falta de oportunidade pra esses cidadãos, porque se assim fosse, na favela só teriam marginais, o que não corresponde com a realidade. Lá tem muitas pessoas perseverantes e lutadoras, que buscaram o caminho mais difícil: o de vencer na vida de maneira legal.
Eu fico indignada quando a mídia noticia que o Fernandinho Beira-Mar continua como mandante do crime organizado. E ele faz isso de dentro de um presídio de segurança máxima. E se a mídia noticia é porque isso é público, ou seja, nada se faz para impedir isso. Como assim????!!!!! E esse é só um exemplo. O que dizer dos bandidos que fazem vítimas de dentro da própria cadeia simulando um seqüestro???? Há quantos anos isso já foi denunciado pela televisão e nada se faz para impedir a entrada de celulares e outros objetos nesses presídios, ou mais, cadê as medidas para cortar o sinal de celular dentro do mesmo e imediações? Isso seria o mínimo se fazer.
Outra coisa que soube a poucos dias e me deixou embasbacada é que a família dos marginais presos recebem salário do governo, quer dizer, nós, trabalhadores, honestos, que muitas vezes temos que fazer malabarismo para conseguir esticar o salário até o final do mês, além de mantermos esses porcos imundos somos quem pagamos também o salário das famílias deles. Dá pra acreditar????
Nem sei se ao votarmos nulo alguma coisa vai mudar, porque sempre terão políticos corruptos que tentarão subornar até o mais nobre dos seres humanos. Ou este se corrompe ou pega sua malinha e vai cantar em outra freguesia. E assim a podridão política brasileira vai se alastrando.
Claro que meu voto é nulo. Pelo menos minha consciência estará tranqüila ao não ajudar eleger um FDP. Mas infelizmente milhões de brasileiros os elegerão.
Mas voltando ao começo do post... sou totalmente a favor da pena de morte. Cito alguns criminosos populares que merecem a cadeira elétrica: Guilherme de Pádua e sua ex-mulher, o casal Nardoni, o pedreiro estuprador de Luziânia e tantos outros, conhecidos ou não.
E esse é o nosso Brasilzão... injusto, cheio de podridão, violento, mas ainda assim maravilhoso...

TROFÉU UÓ!!!!


Meu, tem coisa mais idiota que o tal coração feito com as mãos???

Até acho aceitável (apenas aceitável) quando feito por adolescentes cheios de criatividade e que acham o máximo ficar repetindo um gesto até beirar o tédio. Mas quando é feito por uma biba véia saída de um reality show é simplesmente R-I-D-Í-C-U-L-O!

Acho que tô ficando uma velha coroca... chata, sem paciência e sem travas na língua.

Não tenho mais saco pra suportar certos modismos...

E tenho dito!!!!!

sexta-feira, 9 de abril de 2010

ACABOU... SEM AO MENOS SEQUER TER COMEÇADO!

Tinha tudo pra dar certo... um cara bonito, simpático, de atitude, correndo atrás dos objetivos, bom trabalho, bom papo, de família e dezenas de pequenos detalhes que só somavam mais e mais pontos positivos.

No começo foi muito atencioso, as mensagens no celular eram diárias e cheias de palavras carinhosas que expressavam que aquele era um cara que queria mais do que uma simples aventura.

Passeio no shopping de mãos dadas davam a clara impressão que dali nasceria uma linda história... Nenhuma palavra indelicada, nenhum gesto grosseiro, nenhuma tentativa de avanço... tudo indicava que era mesmo o começo de um romance com um belo futuro.

Os dias se passaram, a empolgação também foi passando, as mensagens foram diminuindo de tamanho e de frequência, as desculpas começaram a surgir e a vontade certamente não é mais a mesma...

Frustração? Sim, claro... mas nada que dure mais do que um ou dois dias... não foi o primeiro e talvez não seja o último...

E que entre o próximo do fila...

terça-feira, 6 de abril de 2010

QUE DIA!!!


E hoje tudo (ou quase tudo) deu errado...

- Um dia de outono pior que muitos dias de inverno. Acordamos com frio de 10 graus em Curitiba.
- Choveu a manhã toda. O trânsito ficou terrível.
- Meu chefe está em São Paulo. Por causa das chuvas tive que alterar o vôo dele 3 vezes. Estresse, chateação, perturbação. É duro depender de uma agência que tem uma única pessoa pra nos atender e que no horário do almoço fica incomunicável.
- A administradora de condomínios resolveu alterar a data de vencimento dos boletos e não nos avisou. Estou desde as 8 da manhã implorando pra me mandarem um boleto com data de hoje, mas até agora nada.

Reconheço que algumas coisas bacanas também aconteceram:

- o sol apareceu a tarde
- meu chefe finalmente conseguiu embarcar
- hj tem academia e vou ver os gatinhos (sim, são mais de um, rs)
- e depois ir pra casa e dormir, dormir e dormir... nada melhor pra um dia gelado como hoje...

A música tema ideal pra hoje seria: Chove lá fora e aqui faz tanto frio... me dá vontade de saber, aonde está você, me telefona, me chama, me chama, me chama...

quarta-feira, 24 de março de 2010

COMO É BOM VIVER!!!!


Como é bom viver dias em que tudo dá certo, sem stress, sem pressão... simplesmente as coisas fluem. É uma sensação de alívio por ter vivido um dia calmo e redondinho...

Explico:

Em janeiro peguei os recibos da cirurgia que fiz no ano passado para fazer o imposto de renda. Num dos recibos, o CPF da anestesiologista (ou anestesista) estava incorreto. Há uma semana liguei pra secretária e ela confirmou que o número era aquele mesmo. Pedi o telefone da médica e liguei, a resposta foi a mesma, o CPF era realmente aquele. Diante das tentativas sem êxito, ontem decidi ir até o hospital e falar justamente com a pessoa que me entregou os recibos. Chego lá, falo pra ela que o CPF está constando como inválido na receita federal e ela, super prestativa, ligou pra algum departamento do próprio hospital e a pessoa lhe repassou o CPF. Havia apenas um número errado, ao invés de 229 era 299... simples, rápido e tudo resolvido. O que é a boa vontade quando se quer ajudar, não?

Outro episódio acontecido ontem mesmo foi um retorno ao otorrino para levar os exames de sangue (referente à investigação da labirintite), porém, eu havia agendado o retorno, mas a médica tinha solicitado um exame de audiometria (feito na própria clínica) mas eu, por esquecimento total, não fiz o agendamento do mesmo. Cheguei, expliquei a situação e as atendentes muito educadas, me falaram que conseguiriam me encaixar sem problema algum. Surpreendentemente não me olharam de cara feia e não esboçaram nenhuma reação de indignação por eu não ter agendado o exame. Simplesmente tinha horário vago e elas me encaixaram. Simples assim. Fiquei feliz pelo bom atendimento. Ainda há esperança, rs

E, pra finalizar meu dia, fui pra academia e o Pedro estava lá malhando. Pedro é o meu alvo, apenas para conhecimento, rs. Só nos encontrávamos as segundas-feiras, mas ontem ele tb resolveu aparecer... cheguei, avistei ele. Percebi que ele também me viu. Passei por ele, me cumprimentou e me olhou fixamente com aqueles seus lindos olhos verdes... retribuí o: “Olá, tudo bem?”, sorri e fui pra esteira... assim como vinha acontecendo nos dias anteriores, ficamos flertando um com o outro de longe. Ele foi embora antes de mim. Não tenho pressa. Vou deixar o tempo se encarregar de me mostrar se vale a pena investir nele. Fica a cargo dele tomar a iniciativa... vai que tem namorada... melhor não arriscar.

Bom, fora isso, no trabalho também tudo foi muito calmo... posso afirmar que ontem foi um dia tranquilo e perfeito, como há bastante tempo eu tinha.

Como é bom viver...

quarta-feira, 17 de março de 2010

DÁ PRA ENTENDER?!?!



Que eu sou noveleira, isso é fato, não escondo de ninguém, rs... então vamos comentar algumas coisas da novela Viver a Vida:

1) Já que o pai da Luciana tem tanta grana, porque não compram uma cadeira de rodas elétrica pra ela????

2) Se o Jorge e o Miguel não se suportam, porque eles não vão morar sozinhos? Pelas minhas contas, já que o Miguel é médico especializado, na novela ele deve estar com seus 30 anos ou mais. Então porque tem que ficar os dois morando com os pais e se engalfinhando a toda hora????

3) Porque a Helena dorme no tapete do quarto que seria do seu filho se dá pra ver que tem um sofá superconvidativo onde ela poderia dormir feito um anjo?????

4) Desde quando a Malu é mais interessante que a Betina???? Peloamor... a Malu é uma garça sem graça, rs... branquela, corpo super normal, até magra demais, uma carinha comum, um cabelo meia boca e chata pra burro... já a Betina é bonita, mulherão, corpão, esperta (ou quase), cabelo moderno... enfim, vai entender...

sábado, 20 de fevereiro de 2010

HORÁRIO DE VERÃO


O que eu mais gosto no horário de verão é o dia que ele acaba, rs... já que o dia tem uma hora a mais pra aproveitar...


Brincadeira a parte, até gosto do horário de verão por proporcionar tardes longas... mas detesto acordar cedo. Meu corpo não aceita acordar uma hora mais cedo, ele sofre com essas mudanças que são boas pra economia do país e péssimas pra minha saúde.


Felizmente hoje a noite acaba o horário de verão e terei uma hora a mais pra dormir essa noite e a partir de segunda posso ficar uma hora a mais na cama.


O corpo agradece!

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

ESTUDO


"Estudo afirma que mulheres bonitas se irritam mais facilmente"


Fonte: site terra


Uma justifica perfeita!!!! rs